top of page

Lucro líquido da Klabin cai para R$ 630,6 milhões no quarto trimestre de 2023

O resultado representa uma queda de 22% na comparação com o mesmo período do ano anterior. A Klabin, única produtora de soluções com os três diferentes tipos de celulose no Brasil – fibra curta, fibra longa e fluff –, divulgou os resultados do quarto trimestre de 2023. Neste período, a companhia registrou lucro líquido de R$ 630,6 milhões, uma queda de 22% na comparação com o mesmo período de 2022. Já no acumulado do ano, o lucro líquido somou R$ 2,69 bilhões, apresentando queda de 40%. Os resultados da companhia foram influenciados pelos preços mais baixos da celulose e do papel kraftliner, além de sofrer os impactos negativos do câmbio das exportações.



08/02/2024 - A Klabin, única produtora de soluções com os três diferentes tipos de celulose no Brasil – fibra curta, fibra longa e fluff –, divulgou os resultados do quarto trimestre de 2023.


Neste período, a companhia registrou lucro líquido de R$ 630,6 milhões, uma queda de 22% na comparação com o mesmo período de 2022. Já no acumulado do ano, o lucro líquido somou R$ 2,69 bilhões, apresentando queda de 40%.


Os resultados da companhia foram influenciados pelos preços mais baixos da celulose e do papel kraftliner, além de sofrer os impactos negativos do câmbio das exportações.


Entre outubro e dezembro, a receita líquida da companhia caiu 11%, para R$ 4,5 bilhões, na comparação anual. Já no acumulado do ano, a companhia registrou queda de 10%, obtendo um total de R$ 18 bilhões.


Com a queda da receita, a empresa registrou Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, taxas, depreciação e amortização) de R$ 1,68 bilhão no trimestre, uma queda de 12% ante o mesmo período do ano anterior. Já o Ebitda ajustado do acumulado do ano registrou queda ainda maior – de 20% – para R$ 7,9 bilhões.


O custo de caixa da companhia, excluindo os impactos das paradas de manutenção, foi de R$ 3 mil/t no quarto trimestre, resultado 12% inferior ao mesmo período de 2022, resultado de uma série de investimentos e iniciativas realizadas tanto na área industrial quanto na logística, além do menor preço das commodities.


PRODUÇÃO DE CELULOSE

No quarto trimestre de 2023, a Klabin produziu 405 mil toneladas de celulose, sendo 282 mil toneladas de fibra curta e 123 mil toneladas de fluff e fibra longa, registrando alta de 3% na comparação anual.


Já o custo caixa de produção de celulose registrou R$ 1.318/t no trimestre, uma queda de 1% na comparação com o mesmo período do ano anterior, em meio à queda dos custos com químicos e combustíveis, e a desvalorização das commodities, de modo geral.


Fonte: Portal Celulose

bottom of page