top of page

Resíduos de papel do The Town viram sacolas do iFood

Três meses após a primeira edição do The Town, festival de música realizado na capital paulista, 88 restaurantes da cidade começaram a receber sacolas para delivery produzidas a partir dos resíduos de papel coletados durante o evento. A ação está entre as iniciativas de sustentabilidade realizadas pelo iFood, que foi patrocinadora oficial do evento. Durante o festival, 35,6 toneladas de papel foram coletadas pela Coopercaps, cooperativa responsável pela triagem de resíduos recicláveis do The Town.


Crédito: EmbalagemMarca


02/01/2024 - Três meses após a primeira edição do The Town, festival de música realizado na capital paulista, 88 restaurantes da cidade começaram a receber sacolas para delivery produzidas a partir dos resíduos de papel coletados durante o evento. A ação está entre as iniciativas de sustentabilidade realizadas pelo iFood, que foi patrocinadora oficial do evento.


Durante o festival, 35,6 toneladas de papel foram coletadas pela Coopercaps, cooperativa responsável pela triagem de resíduos recicláveis do The Town. Todo esse material que, em peso, equivale a aproximadamente 210 elefantes, foi destinado à produção de 50 toneladas de papel reciclado, que então foi utilizado na confecção de 271 mil sacolas para delivery em parceria com a Irani.


“Sabemos o impacto que um evento desse porte pode causar ao meio ambiente e, como empresa patrocinadora, é fundamental contribuir com iniciativas que transformem o festival em uma experiência mais consciente, inclusive, depois de finalizado. Esta ação está alinhada com os nossos compromissos e contribui para a conscientização de parceiros e clientes com relação a atitudes sustentáveis”, diz André Borges, diretor de Sustentabilidade do iFood.


O estoque das sacolas, que estão sendo distribuídas gratuitamente para os restaurantes pelo iFood, tem previsão de durar cerca de um mês. “Isso não só reduz a quantidade de resíduos que acabam em aterros sanitários, mas também cria um ciclo de vida sustentável para as embalagens, demonstrando que a economia circular é possível e viável”, completa André.


Além disso, o iFood financiou a produção de cerca de 130 mil embalagens para alimentos feitas de papel cartão com uma barreira biodegradável contra gordura, livres de plástico, que foram usadas por quatro restaurantes instalados na praça de alimentação do Thhttps://diariodocomercio.com.br/author/leonardo-leao/e Town e nos stands de patrocinador do iFood, próximos aos palcos do evento. Uma ação similar também foi desenvolvida durante o Rock in Rio 2022, com a distribuição de mais de 230 mil embalagens sustentáveis no evento.


Fonte: EmbalagemMarca

Comentarios


bottom of page