top of page

China é o país que mais consome papel higiênico no mundo, revela estudo

Pesquisa estima que cada chinês utilize cerca de 347 quilômetros de papel higiênico em sua vida. O papel higiênico é um produto essencial para todas as pessoas, mas o seu consumo sofre grandes variações em todo o mundo. Uma pesquisa realizada com 34 fontes ao redor do mundo, como a Universidade do Chile, o site de estatísticas Worldmeter e o jornal austríaco Der Standart, comparou a quantidade de papel higiênico consumida por cada país anualmente, bem como por seus habitantes ao longo de suas vidas. O estudo indicou que a China é o país que mais usa papel higiênico por ano e por habitante, somando 6,5 bilhões de quilômetros anuais.



30/08/2022 - O papel higiênico é um produto essencial para todas as pessoas, mas o seu consumo sofre grandes variações em todo o mundo. Uma pesquisa realizada com 34 fontes ao redor do mundo, como a Universidade do Chile, o site de estatísticas Worldmeter e o jornal austríaco Der Standart, comparou a quantidade de papel higiênico consumida por cada país anualmente, bem como por seus habitantes ao longo de suas vidas.


O estudo indicou que a China é o país que mais usa papel higiênico por ano e por habitante, somando 6,5 bilhões de quilômetros anuais. No entanto, a nação asiática não é a primeira em consumo per capita: estima-se que cada chinês utilize cerca de 347 quilômetros de papel higiênico em sua vida.


Nesse quesito, a boa surpresa foi Portugal, que, apesar de possuir cerca de 10 milhões de habitantes e uma área de 92.200 quilômetros quadrados, não ser o país mais populoso nem o que tem a maior área da Europa, tem a maior quantidade média de papel higiênico consumida pelas pessoas em toda a sua vida, usando cerca de 1.035

quilômetros no total.


Na América do Norte, o consumo também é bastante expressivo: os estadunidenses consomem 1.020 km durante a vida e os canadenses, 630 km.


Já na América Latina, ficou constatado que o Chile é um grande consumidor de papel higiênico, com 443 quilômetros por pessoa durante a vida. O Brasil também tem um bom índice, com um consumo de 266 quilômetros por habitante.


A Argentina, por sua vez, é um dos países que menos consome papel higiênico, com 198 quilômetros por habitante ao longo da vida. Em seguida, vêm Uruguai, com 186 km, Colômbia, com 142 km, e El Salvador, com 135 km.


A nível mundial, o país em que os habitantes menos consomem o produto ao longo da vida é a Nigéria, com cinco quilômetros; seguido pela Indonésia, com 26 quilômetros, e a Romênia, com 49 quilômetros. Como resultado desses dados, concluiu-se que 4 bilhões de pessoas no mundo não usam papel.


Fonte: Tissue Online

Comentarios


bottom of page