top of page

Setor de aparas de papel é peça-chave para o desenvolvimento sustentável, diz Anap

Os aparistas são responsáveis pela coleta e reciclagem de resíduos de papel, evitando que toneladas de material sejam desperdiçados e acabem em aterros sanitários. Cada vez mais, o tema sustentabilidade e responsabilidade social se faz presente no mundo atual, especialmente no setor empresarial. A sociedade também vem se conscientizando sobre a necessidade de preservar o meio ambiente e adotar práticas socialmente responsáveis. Nesse cenário, os aparistas de papel têm importante contribuição, sendo peças-chave para o desenvolvimento sustentável, segundo a Anap.



13/04/2023 - Cada vez mais, o tema sustentabilidade e responsabilidade social se faz presente no mundo atual, especialmente no setor empresarial. A sociedade também vem se conscientizando sobre a necessidade de preservar o meio ambiente e adotar práticas socialmente responsáveis.


Nesse cenário, os aparistas de papel têm importante contribuição, sendo peças-chave para o desenvolvimento sustentável, segundo a Anap. Os profissionais são responsáveis pela coleta e reciclagem de resíduos de papel, evitando que toneladas de material sejam desperdiçados e acabem em aterros sanitários.


Além disso, eles também colaboram para a economia local e nacional, gerando empregos e movimentando a cadeia produtiva do papel. Dentre outros benefícios, a reciclagem do papel ainda reduz a necessidade de extração de matéria-prima virgem, preservando os recursos naturais.


“Os aparistas de papel também têm um importante papel social. Muitos deles atuam em cooperativas e associações, proporcionando uma oportunidade de trabalho e renda para pessoas que, muitas vezes, não têm outra opção no mercado de trabalho. Além disso, a coleta seletiva de materiais recicláveis contribui para a limpeza das cidades, melhorando a qualidade de vida da população”, comenta Pedro Vilas Boas, presidente da Anap.


Segundo o último relatório anual desenvolvido pela Associação Nacional dos Aparistas de Papel, esse setor já processou quase 5 milhões de toneladas de material. Com relação à mão de obra empregada, mais de 38 mil profissionais atuam no mercado, sendo divididos em 17% administrativo, 27% de coleta e 56% na operação.


“Em resumo, os aparistas de papel são importantes agentes de transformação social e ambiental. Sua atuação contribui para a preservação do meio ambiente, a geração de empregos e renda, e a promoção de uma sociedade mais justa e sustentável”, declara a Anap.


Fonte: Tissue Online

bottom of page