Projeto criado pela Klabin transforma lodo em tijolos para uso na construção civil

Iniciativa criada em 2018 é responsável pelo reaproveitamento de 25 toneladas de resíduos por mês. A preocupação com o meio ambiente tem sido pauta recorrente nos diversos setores da sociedade. Iniciativas que envolvem a economia circular e de baixo carbono, além da menor geração e maior aproveitamento de resíduos, estão no centro da discussão de empresas em busca de uma gestão cada vez mais sustentável.



15/09/2020 - A preocupação com o meio ambiente tem sido pauta recorrente nos diversos setores da sociedade. Iniciativas que envolvem a economia circular e de baixo carbono, além da menor geração e maior aproveitamento de resíduos, estão no centro da discussão de empresas em busca de uma gestão cada vez mais sustentável. A Klabin, comprometida com esse pilar em seus negócios – das florestas às embalagens – possui inúmeros projetos voltados ao reaproveitamento de resíduos. Dentre eles, a utilização do lodo descartado no Tratamento de Efluentes para a fabricação de tijolos usados na construção civil.

O projeto, iniciado em 2018, foi desenvolvido pelo time de Meio Ambiente da Unidade de Rio Negro (PR) da Klabin com o apoio das áreas corporativas de Sustentabilidade e Pesquisa & Desenvolvimento. Com a iniciativa, mensalmente, 25 toneladas de resíduos ganham um novo destino, sendo reaproveitados e usados até mesmo nas obras internas da Companhia.

“Acreditamos na economia circular como peça fundamental para a construção de um futuro sustentável. Temos, hoje, inúmeras iniciativas nessa frente, incluindo diversas práticas que visam o reaproveitamento dos resíduos gerados na nossa operação. Para se ter uma ideia, atualmente temos uma taxa de 97% de reutilização e reciclagem de todos os resíduos gerados em nossas operações e temos como meta de Resíduo ZERO para aterros até 2030”, declara Júlio Nogueira, gerente de Sustentabilidade e Meio Ambiente da Klabin.

Além da correta destinação dos resíduos, o uso de soluções mais responsáveis em diversos setores da economia são importantes ferramentas para mitigação das mudanças climáticas. No ramo da construção civil, por exemplo, segundo pesquisas realizadas, a utilização de concreto é atualmente responsável por 8% das emissões de carbono na atmosfera. A busca por alternativas que agridam menos o meio ambiente está alinhada com as políticas de baixo carbono, cada vez mais disseminadas em diversos países.

Outra importante iniciativa, também voltada à construção civil, é realizada na Central de Tratamento de Resíduos da Unidade Puma, responsável ainda pelo tratamento dos resíduos de Monte Alegre que são transformados em blocos de paver ou ainda em “canaletas”, que também podem ser utilizada em obras.

Esse e outros projetos da Klabin visam contribuir de maneira significativa com o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, da ONU, os quais a empresa aderiu voluntariamente em 2016. Este, especificamente, está relacionado aos ODS 9, 11, 13, 15 e 17, respectivamente ligados a Infraestrutura, Urbanização, Aquecimento Global, Biomas Brasileiros e Parcerias e meios de implementação para o desenvolvimento sustentável.

Fonte: Celulose Online

EMPRESAS  ASSOCIADAS

SINPAPEL

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DE CELULOSE, PAPEL E PAPELÃO NO ESTADO DE MINAS GERAIS

Rua Bernardo Guimarães, 63 - 3º andar

CEP: 30140-080 | Belo Horizonte - MG

sinpapel@fiemg.com.br

Tel: +51 (31) 3282 7455

© Copyright 2020 SINPAPEL. Todos os direitos reservados. Web Designer Ricardo Sodré