PBH libera museus, teatros e shows com até 600 pessoas

Se o evento tiver alimentação e bebida, o limite passa a ser de 400 pessoas, seguindo protocolos rígidos de metragem quadrada. Museus, teatros, shows e outros espaços socioculturais estão liberados na capital mineira a partir de sábado (3/7). O anúncio foi feito durante entrevista coletiva de secretários municipais na Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), nesta quinta-feira (1/7). Participam da coletiva os secretários de Saúde, Jackson Machado Pinto, Planejamento, Orçamento e Gestão, André Reis; e de Política Urbana, Maria Caldas. O presidente da Belotur, Gilberto Castro, também integra a mesa. "A liberação diz museu, mas teatro é outro espaço sociocultural de frequência eventual. As pessoas não tem participação de várias horas todos os dias. Obviamente, com protocolo bastante rigoroso que estará disponível no site da prefeitura.



01/07/2021 - Museus, teatros, shows e outros espaços socioculturais estão liberados na capital mineira a partir de sábado (3/7). O anúncio foi feito durante entrevista coletiva de secretários municipais na Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), nesta quinta-feira (1/7).


Participam da coletiva os secretários de Saúde, Jackson Machado Pinto, Planejamento, Orçamento e Gestão, André Reis; e de Política Urbana, Maria Caldas. O presidente da Belotur, Gilberto Castro, também integra a mesa.


"A liberação diz museu, mas teatro é outro espaço sociocultural de frequência eventual. As pessoas não tem participação de várias horas todos os dias. Obviamente, com protocolo bastante rigoroso que estará disponível no site da prefeitura. A publicação do decreto está prevista para sábado de manhã", disse o secretário de Orçamento e Gestão, André Reis.


A capital mineira não tem nenhum dos três indicadores da virose na faixa crítica da escala de risco. As ocupações dos leitos de UTI e de enfermaria estão dentro do patamar intermediário e a transmissão do novo coronavírus no controlado.


A ocupação dos leitos de UTI para pacientes com COVID-19 está em 65,1%. A taxa de uso das enfermarias para pacientes com a virose recuou de 51,5% para 49,1%. O Rt, que mede a transmissão, está em 0,89.


"Por causa dessa queda o comitê decidiu pela liberação de eventos na cidade", disse secretários de Saúde, Jackson Machado Pinto.


LIMITES

"Show e teatro estão liberados com público obrigatoriamente sentado e com limite de 600 pessoas. Se tiver alimentação e bebida, o limite de 400 pessoas, seguindo protocolos rígidos de metragem quadrada", explicou o presidente da Belotur, Gilberto Castro.


No caso de cinema e museu, permanece a liberação com regramento de 50% da capacidade. "Já os eventos corporativos, feiras e congressos serão liberados a partir de agosto", acrescentou.


Por fim, eventos sociais, estão liberados, porém, precisarão passar por testagem dos convidados. "São eventos que não têm cunho comercial. Esses testes serão obrigatórios. Ou imunizado 100% ou teste PCR limite de 72 horas", detalhou o secretário.


Todos os eventos precisarão ser comunicados à prefeitura. "Os eventos precisam passar por processo de liberação normal. Em função da necessidade do controle, os eventos sociais precisam comunicar a Secretaria mesmo que numa casa de eventos já licenciada", disse a secretaria de Política Urbana, Maria Caldas.


Fonte: jornal Estado de Minas