Irani conquista Prêmio Top Ser Humano por práticas na área de gestão de pessoas

Premiação concedida pela ABRH-RS reconhece o case Escola Lidera, que consiste no desenvolvimento de lideranças, e pelas iniciativas tomadas durante a pandemia para garantir a saúde e segurança dos colaboradores. A Irani Papel e Embalagem, uma das principais indústrias de papel e papelão ondulado do Brasil, segue se destacando pelas boas práticas relacionadas à área de gestão de pessoas. A empresa catarinense conquistou o Prêmio Top Ser Humano na categoria Organização, com os cases Escola Lidera e Enfrentamento à Covid-19 . O Top Ser Humano é uma premiação realizada pela ABRH-RS, a Associação Brasileira de Recursos Humanos – Seccional Rio Grande do Sul.


26/10/2021 - A Irani Papel e Embalagem, uma das principais indústrias de papel e papelão ondulado do Brasil, segue se destacando pelas boas práticas relacionadas à área de gestão de pessoas. A empresa catarinense conquistou nesta quarta-feira (20) o Prêmio Top Ser Humano na categoria Organização, com os cases Escola Lidera e Enfrentamento à Covid-19 .


O Top Ser Humano é uma premiação realizada pela ABRH-RS, a Associação Brasileira de Recursos Humanos – Seccional Rio Grande do Sul. Considerado um dos mais tradicionais prêmios da região – realizado desde 1993, tem como objetivo reconhecer as melhores práticas que valorizam o ser humano como diferencial estratégico para o crescimento das pessoas e das empresas.


Os cases premiados da Irani fazem parte de sua estratégia de desenvolvimento, que vai do aprimoramento profissional ao bem-estar de seus mais de 2.200 colaboradores. “Na Irani, as pessoas estão no centro de todas as estratégias e assim será, a fim de que continuemos sendo uma das melhores empresas para trabalhar”, afirma Fabiano Alves de Oliveira, diretor de Pessoas, Estratégia e Gestão da companhia.


“Recebemos esse prêmio com muita satisfação, pois é o reconhecimento do trabalho e da dedicação de toda a companhia para que os colaboradores possam desempenhar suas funções em um ambiente agradável e seguro, além de terem a oportunidade de crescer pessoalmente e profissionalmente”, completa Oliveira.


CASES PREMIADOS

A Escola Lidera é considerada um marco na Irani. Até 2018 a empresa mantinha um programa de educação corporativa estruturado em apoiar o seu planejamento estratégico, mas a partir da implementação do projeto, o desenvolvimento de lideranças foi alçado ao formato de escola, passando a atuar na formação de líderes em todos os níveis – da supervisão à diretoria.


O projeto visa estimular a autoliderança e a atitude protagonista entre os colaboradores, buscando a melhoria no desempenho e a preparação aos próximos estágios de carreira. Como resultado, a Irani contabiliza desde 2018 uma alta retenção de líderes e colaboradores, um alto aproveitamento de colaboradores em posições de lideranças e melhoria dos indicadores de clima.


Já o Enfrentamento à Covid-19 engloba as diversas ações implantadas pela companhia para garantir a saúde e segurança de seus colaboradores, durante a pandemia do Coronavírus, e manter as unidades em operação, já que o setor de papel e embalagem era considerado parte da cadeia da indústria alimentícia, classificada como atividade essencial.


Entre as ações desenvolvidas pela companhia e que foram reconhecidas pelo Prêmio Top Ser Humano estavam o afastamento da equipe administrativa, que passou a trabalhar de forma remota, e dos colaboradores dos grupos de risco, que foram encaminhados para licença remunerada.


Para tratar dos casos de suspeita de Covid-19, a Irani estabeleceu um plano de ação. Quando confirmado, o colaborador passava a receber acompanhamento diário da empresa por meio de ligações telefônicas. A saúde mental também foi um dos focos, com a criação do Canal Bem-Estar, que consistia no acolhimento virtual dos colaboradores por profissionais capacitados.


A Irani realizou ainda uma reorganização em sua estrutura e protocolos de acesso às unidades. Além do uso obrigatório de máscaras e álcool gel, distanciamento e aferição de temperatura, a empresa trabalhou o bem-estar dos colaboradores por meio de uma comunicação efetiva, além de lideranças transparentes, que transmitiram segurança a todos os colaboradores.


Fonte: Celulose Online