Francine Ceccon é a primeira mulher a ganhar a edição brasileira do Prêmio Blue Sky Young Researche

Francine Ceccon Claro é vencedora da etapa regional brasileira do Prêmio Blue Sky Young Researchers and Innovation Award 2020-2021, promovido pelo International Council for Forest and Paper Associations (ICFPA) e coordenado localmente pela Indústria Brasileira de Árvores (Ibá).



15/12/2020 - Francine Ceccon Claro é vencedora da etapa regional brasileira do Prêmio Blue Sky Young Researchers and Innovation Award 2020-2021, promovido pelo International Council for Forest and Paper Associations (ICFPA) e coordenado localmente pela Indústria Brasileira de Árvores (Ibá). A pesquisadora estudou e desenvolveu um curativo de baixo custo para tratamento de feridas, especialmente queimaduras. A membrana é feita a partir de nanocelulose de pinus. Além de matéria-prima renovável e sustentável, esta membrana é muito mais barata que os curativos atualmente disponíveis no mercado.

O objetivo do prêmio é selecionar jovens de até 30 anos e projetos inovadores que possam contribuir para o desenvolvimento da indústria florestal mundial.

Durante a cerimônia de premiação, no dia 14/12, o Embaixador Jose Carlos da Fonseca, diretor Executivo da Ibá, disse que é um movimento muito importante de aproximação com os jovens talentos. “Esse foi um ensaio do futuro. Tivemos uma visão do potencial de inovação e sustentabilidade de quem está chegando agora no mercado. Acabamos esse prêmio acreditando mais no Brasil e no setor de árvores cultivadas”, disse.

Nathalia Granato, coordenadora de Sustentabilidade e Assuntos Florestais da Ibá e responsável pela etapa brasileira do prêmio encabeçado pelo ICFPA, reforçou a relevância do prêmio para a Ibá e para o cenário de inovação e sustentabilidade do setor. “Neste ano, provocamos os jovens em busca de soluções baseadas na natureza para reforçar a economia de baixo carbono. Sabemos que um ponto primordial para mudanças de patamar e inclusão na sociedade é a educação, portanto, só podemos valorizar uma premiação tão conectada com a academia como essa”, disse.

Francine comemorou o reconhecimento. “Fico muito feliz pelo prêmio, mas especialmente por saber que o projeto pode ser muito útil para sociedade, tendo como base a sustentabilidade, a origem renovável das árvores cultivadas e um baixo custo de produção”, disse durante a cerimônia online.

O estudo fez parte do projeto “Bionanocompósitos – Obtenção de nanoestruturas a partir e fontes florestais”, atividade coordenada pela Embrapa Florestas (Colombo, PR), e foi realizado durante o mestrado em Engenharia e Ciência dos Materiais na Universidade Federal do Paraná (UFPR), com o trabalho sendo desenvolvido no Laboratório de Tecnologia da Madeira da Embrapa Florestas, sob orientação do pesquisador Washington Magalhães.

Foram recebidos projetos inovadores principalmente de MG, SP, PR e PA, que podem contribuir para o desenvolvimento da indústria florestal mundial dentro do tema desta educação: “Impulsionando a bioeconomia florestal: soluções baseadas na natureza rumo a uma economia de baixo carbono”.

Em segundo lugar ficou Bruna Virgínia Cunha Rodrigues; em terceiro lugar empatados Valquíria Lima Bessa de Castro e Humberto Fauller de Siqueira.

Integraram a banca avaliadora deste ano, Eric Bastos Görgens (UFVJM); Erich Gomes Schaitza (Embrapa); Marcelo Moreira da Costa (SIF/UFV); Pedro Henrique Gonzalez de Cademartori (UFPR); e Vera Lex Engel (IPEF/UNESP). A vencedora concorre na etapa internacional em 2021, durante a CEOs Roundtable do ICFPA.

SOBRE A IBÁ

A Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) é a associação responsável pela representação institucional da cadeia produtiva de árvores plantadas, do campo à indústria, junto a seus principais públicos de interesse. Lançada em abril de 2014, representa 48 empresas e 10 entidades estaduais de produtos originários do cultivo de árvores plantadas - painéis de madeira, pisos laminados, celulose, papel, florestas energéticas e biomassa -, além dos produtores independentes de árvores plantadas e investidores institucionais. Saiba mais em www.iba.org.

SOBRE O ICFPA

O ICFPA é principal órgão institucional da indústria florestal no mundo, e do qual a Ibá faz parte. Representa 19 associações de celulose, papel, madeira e fibra que abrangem 36 países, incluindo os principais produtores desses segmentos do mundo.


Fonte: IBÀ

EMPRESAS  ASSOCIADAS

SINPAPEL

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DE CELULOSE, PAPEL E PAPELÃO NO ESTADO DE MINAS GERAIS

Rua Bernardo Guimarães, 63 - 3º andar

CEP: 30140-080 | Belo Horizonte - MG

sinpapel@fiemg.com.br

Tel: +51 (31) 3282 7455

© Copyright 2020 SINPAPEL. Todos os direitos reservados. Web Designer Ricardo Sodré