Consumo de papel cai mais de 5% na Europa

Esta tendência de queda foi observada em muitas outras partes do mundo, principalmente nos EUA, Japão, Brasil e Canadá. Com a queda na economia europeia e as restrições sanitárias, o consumo de papel e de cartão na Europa diminuiu 5,3% em 2020 em comparação a 2019, totalizando 71 milhões de toneladas. Os membros da Cepi (Confederation of European Paper Industries) produziram 85,2 milhões de toneladas de papel e de cartão, uma redução de 4,8% frente a 2019. Esta tendência de queda foi observada em muitas outras partes do mundo, principalmente nos EUA, Japão, Brasil e Canadá.



15/07/2021 - Com a queda na economia europeia e as restrições sanitárias, o consumo de papel e de cartão na Europa diminuiu 5,3% em 2020 em comparação a 2019, totalizando 71 milhões de toneladas.


Os membros da Cepi (Confederation of European Paper Industries) produziram 85,2 milhões de toneladas de papel e de cartão, uma redução de 4,8% frente a 2019. Esta tendência de queda foi observada em muitas outras partes do mundo, principalmente nos EUA, Japão, Brasil e Canadá.


Apesar desse cenário, a maior parte das fábricas funcionou sem interrupções em 2020, apesar de algumas operarem com capacidade reduzida devido aos níveis mais baixos de procura.


Em 2020, a pandemia acelerou a queda de papéis gráficos, mas estimulou a produção de papéis tissue e de embalagem. A produção global de papéis gráficos, incluindo a de papel jornal, caiu 19%, pois a procura por parte de editores, escritórios e impressão comercial diminuiu drasticamente. Em contrapartida, os papéis tissue aumentaram 3,1% e o de papel para embalagem, 2,1%, em 2020.


O consumo de tissue aumentou por conta dos novos hábitos de higiene, apesar das restrições que afetaram o mercado institucional. O papel cartão, por sua vez, é um insumo essencial para o transporte e entrega de mantimentos, como medicamentos ou alimentos, que também se beneficiaram da aceleração do comércio eletrônico em virtude da pandemia.


Também impactado pela queda na economia e pela diminuição da produção, o consumo de celulose diminuiu 6,4%. As exportações da fibra, porém, cresceram 2,8%, enquanto as de papel e cartão diminuíram 3,1%.


Olhando para o futuro, a expectativa é de que a demanda de papel e cartão se beneficie da recuperação econômica prevista para este ano. Até o final de abril de 2021, a produção de papel e cartão nos países da Cepi aumentou 1% frente ao mesmo período do ano anterior.


SOBRE A CEPI

A Cepi é a associação europeia que representa a indústria do papel. Por meio das suas 18 associações nacionais, reúne 500 empresas que operam 895 fábricas em toda a Europa e emprega diretamente mais de 180.000 pessoas.


Fonte: Tissue Online