Suzano, Eldorado e Fibria fazem reajuste do preço da celulose

A Fibria já havia reajustado o preço da celulose. Agora, Suzano e Eldorado seguiram o mesmo caminho. Com isso, as ações da Suzano subiram 0,80% e chegaram a 21,20 reais. Já as da Fibria tiveram alta de 1,84% e valor final de 56,43 reais. A Suzano elevou o valor em 30 dólares por tonelada para Europa e América do Norte. Mas, não ao mercado chinês. Agora, o preço vendido para os países ocidentais é de 1.220 dólares.




08/02/2018 - A Fibria já havia reajustado o preço da celulose. Agora, Suzano e Eldorado seguiram o mesmo caminho. Com isso, as ações da Suzano subiram 0,80% e chegaram a 21,20 reais. 

Já as da Fibria tiveram alta de 1,84% e valor final de 56,43 reais.

A Suzano elevou o valor em 30 dólares por tonelada para Europa e América do Norte. Mas, não ao mercado chinês.

Agora, o preço vendido para os países ocidentais é de 1.220 dólares. 

Em janeiro, a Fibria aumentou o preço para todos os continentes. Agora, está vendendo a 1.210 dólares para a América do Norte e 1.030 dólares para a Europa.

Os reajustes também foram de 30 dólares. Para a Ásia, o aumento foi menor (20 dólares) e ficou em 830 por tonelada.

Com informações do Investing

Fonte: Celulose Online